Estudar medicina na Argentina

Medicina na Argentina: Tudo sobre o curso, vale a pena?

Medicina na Argentina: Hola que tal? hoje vamos falar sobre o curso de medicina na Argentina. Assim esperamos entregar o melhor artigo sobre o curso, bem como explicar de maneira mais detalhada como funciona todo processo. Sendo assim se você tem alguma dúvida relativa a este artigo, basta deixar um comentário que iremos lhe ajudar.

Os valores das mensalidades são os principais itens que leva os jovens brasileiros a estudar medicina na Argentina, uma vez que infelizmente os valores no Brasil são absurdamente altos. Esperamos contribuir ao máximo com esse artigo e vamos lá!

Bom, assim como outros países do Mercosul, a Argentina é um país ao qual oferece o curso de medicina. Dessa forma vamos agora elencar os principais itens que você vai encontrar nesse artigo, beleza? Caso queira pode clicar no link e ir navegando :).

Ingresso ao curso de medicina na Argentina

Como funciona o ingresso medicina na Argentina

O ingresso ao curso ocorre realizando a sua matrícula na universidade. Antes de tudo você precisa saber que o curso de medicina na Argentina ele passou por algumas mudanças em relação a matrícula, uma vez que agora é necessário ter o certificado de proficiência em espanhol.

E agora, como eu faço para fazer medicina na Argentina se não falo nem entendo o espanhol? Pois é, essa pergunta intrigou muitos brasileiros que sonhavam estudar na Argentina, porém como o brasileiro tem um jeitinho para tudo, hoje em dia é possível de forma mais fácil tirar esse certificado, porém tem que estudar um pouquinho com antecedência.

O Paraguai se destaca justamente nessa etapa, uma vez que não tem a necessidade de realizar o vestibular para ingressar, top né? rsrsrs.

Precisa fazer vestibular para ingressar?

Não. A necessidade de vestibular ocorre apenas em alguns países, como o Brasil por exemplo. Desta forma em muitos países do Mercosul não se utiliza o processo de vestibular, realizando o aluno apenas a matrícula para iniciar. Quem dera se no Brasil fosse assim né? rsrsrs.

A medicina na Argentina tem como opção várias universidades, sendo que cada uma delas tem a sua forma de ingresso. Porém é importante salientar que todas elas tem que fazer um curso pré-ingresso, que na verdade podemos chamar também de pré-grado.

O que é o pré-grado de medicina na Argentina?

O pré-grado é um curso antes de iniciar os estudos. Existem faculdades de medicina que são privadas e as que são públicas, assim como no Brasil.

As faculdade públicas o pré-grado ocorre em 1 ano, ou seja, você estuda 1 ano de curso para saber se vai conseguir ingressar. Já nas faculdades privadas você inicia esse curso e o realiza somente por 3 meses, melhorou né?

Então na quem deseja estudar lá vai precisar primeiro, para poder ingressar, realizar o seu certificado de proficiência, que embora seja um pouco burocrático, é possível realizar.

Qual o valor para estudar medicina na Argentina?

Qual o valor de medicina na Argentina?

O valor das mensalidades depende da universidade ao qual você vai estudar. Descrevemos isso porquê existe faculdades de medicina que são públicas e que consequentemente não paga mensalidade. Porém existe também as faculdades privadas, cujo valor varia entre R$ 1000,00 a 1350,00 reais, dependendo da faculdade escolhida.

Bolsas de estudos para brasileiros

Tudo depende de qual universidade você quer estudar. Mas normalmente as bolsas para os brasileiros acaba sendo um pouco difícil em relação a isso, uma vez que nas faculdades públicas não paga mensalidade. Além disso existe a questão de que assim como o Paraguai, as faculdades tem poucas bolsas para brasileiros, quase 0. Então medicina na Argentina até oferece bolsas, mas orientamos as públicas mesmo.

Assim aconselhamos se você não tem condições de pagar a faculdade particular, o ideal é ir para a uma faculdade pública ou então para o Paraguai, ao qual o curso é bem mais em conta. Caso queira saber mais sobre o curso medicina no Paraguai, basta clicar no nome.

Quais documentos necessários para estudar?

Em qualquer país que você for estudar que não seja o Brasil, será necessário realizar todo o processo de regularização de documentos, uma vez que você será um estrangeiro naquele país. Dessa forma você precisa tirar o seu visto de imigração, que no caso da Argentina é o DNI o nome utilizado.

Além disso existe algumas questões importantes a analisar em relação aos documentos da universidade que você vai estudar, como por exemplo os documentos solicitados pela instituição e a forma solicitada.

Lista de documentos necessários

Mencionarei aqui a lista de documentos que você vai precisar levar para elaborar o processo. Vale ressaltar que esse processo de regularização pode ser realizada sozinha pelo aluno ou ele pode contratar uma assessoria para realizar o processo. Segue então a listinha de documentos.:

  • RG frente e verso: 2 Cópias simples e 2 cópias autenticadas no Brasil, sendo uma delas apostiladas.
  • Certificado e histórico de ensino médio: Esse além de 2 cópias simples, precisa das 2 cópias autenticadas e 1 delas apostilada.
  • Certidão de nascimento, casamento ou divórcio: 2 cópias simples e 2 autenticadas em cartório brasileiro, sendo uma delas apostilada.
  • O passaporte fica como opcional, uma vez que a Argentina se enquadra na lei de dispensa do Mercosul.

Custo de vida para estudar medicina na Argentina

O custo de vida varia bastante de aluno para aluno, pois vai depender se o mesmo vai dividir moradia ou não, entenderam? Logicamente quem divide a moradia o custo de vida acaba saindo mais em conta, quando comparado com o aluno que não divide.

Assim tudo relacionado a curso de vida depende do aluno, mas no geral os valores variam de R$ 2500,00 a R$ 5000,00 reais mensais, dependendo logicamente da situação financeira de cada aluno. Dessa forma orientamos que realize sempre uma análise e planejamento de custos, mesmo não pagando mensalidades nas faculdades públicas.

Moradia: Procure dividir com algum colega – Medicina na Argentina

Um dos itens que mais encarece a moradia para quem busca estudar nesse país é a questão da moradia, mas que tudo depende exclusivamente se o aluno vai dividir ou não conforme mencionado anteriormente.

Outro item que é vantajoso dividir é que o aluno consegue realizar compras de mercado de alguns itens que são comuns, fazendo com que os valores gastos com supermercado diminuam bastante também.

Faculdades de medicina na Argentina

Conheça as faculdades de medicina na Argentina

Existe várias faculdades de medicina na Argentina, porém algumas delas são públicas e outras particulares. Assim você deve avaliar qual vai ser melhor para você. Abaixo citamos algumas faculdades de medicina para que você possa conhecer.

Sem dúvida alguma uma das melhores faculdades de medicina na Argentina é a UBA – Universidade Buenos Aires – Ela tem atualmente vários alunos formados, além de ser gratuita, uma excelente estrutura física e considerada uma das melhores da da nossa América latina.

  • UBA – Universidade de Buenos Aires
  • Barcelo – Fundação Hector Barcelo
  • UAI – Universidade Abierta Interamericana
  • UM – Universidade del Morón
  • UR – Universidade Nacional del Rosário
  • UNL – Universidade Nacional de la Plata
  • UMN  – Universidade Maimonides

1 – UBA – Universidade de Buenos Aires

A Uba é uma das melhores faculdades de medicina para quem está buscando qualidade. Essa universidade já recebeu o prêmio nobel de medicina. O tempo de duração dela é superior as demais, porém vale a pena.

Nessa universidade temos uma quantidade menor de brasileiros estudando, uma vez que ela acaba sendo bem difícil para o aluno se formar, fazendo com que muitos alunos busquem alternativas de outras faculdades de medicina, como a Hector Barcelo por ser nem mista.

Abaixo estamos deixando um resumo de como funciona esse processo:

Ingresso: Ocorre sem vestibular, porém deve fazer o CBC – Ciclo Básico Comum, que na verdade você realiza já na universidade e faz parte do curso de medicina.

Duração: 7 anos

Início das aulas: Março e Agosto de cada ano.

Matrícula: Grátis

Mensalidades: Grátis

Barcelo – Fundação Hector Barcelo

A faculdade Fundação Hector Barcelo  é uma das faculdades de medicina privadas que recebem auxílio do governo Argentino, fazendo com que os valores sejam mais em conta.

É atualmente uma das faculdades de medicina que mais recebem brasileiros para estudar medicina. Ela tem 3 principais localizações, sendo elas em San Tomé, Buenos Aires e La Rioja. Sendo assim é  importante mencionar que San Tomé faz fronteira com o Brasil, o que facilita muito para quem é do Sul do país.

Ingresso: Ocorre sem vestibular,  assim como as demais universidades. Os meses de ingresso dessa instituição pode ocorrer de janeiro, maio e setembro,

Duração: 6 anos ou 7 anos, dependendo a modalidade que o aluno escolher. 6 anos seria intensivo e 7 anos extensivo.

Início das aulas: Março e Agosto de cada ano.

Matrícula: 4700 pesos argentinos

Mensalidades: 5200 pesos argentinos. Muitos alunos preferem realizar o pagamento da mensalidade de forma adiantada, o que pode ser conversado e obter descontos.

UAI – Universidade Abierta Interamericana

Faculdade UAI Argentina

A UAI é mais uma das faculdades de medicina na Argentina que está com uma quantidade bem grande de alunos brasileiros.

O curso tem uma excelente qualidade de ensino também, assim como as demais faculdades que já mencionamos aqui turma.

Ingresso: Ocorre sem vestibular, o que faz com que a grande maioria busque esse local. Os meses ocorrem entre dezembro a março.

Duração: A duração do curso de medicina da UAI é de 6 anos, assim como os cursos de medicina no Brasil.

Início das aulas: Março e Agosto de cada ano.

Matrícula: 9800 pesos argentinos, sendo o mesmo valor para a mensalidade.

Mensalidades: 9800 pesos argentinos.

UM – Universidade del Morón

Faculdade de medicina Moron Argentina

Uma faculdade particular, com uma quantidade menor de brasileiros, devido aos valores das mensalidades. Assim como as demais faculdades de medicina na Argentina, ela tem uma excelente estrutura física e uma boa qualidade de ensino.

Ingresso: Ocorre sem vestibular

Duração: A duração do curso é de 6 anos, basicamente como ocorre no Brasil.

Início das aulas: Outubro e Janeiro

Matrícula: 12000,00 pesos argentinos

Mensalidades: 12200,00 pesos argentinos.

UR – Universidade Nacional del Rosário

A universidade de Rosário é uma instituição de ensino pública. Assim nessa universidade o aluno não tem a necessidade de realizar o pagamento das mensalidades. É, assim como a UBA, uma excelente universidade, localizada na cidade de Rosário na Argentina.

Ingresso: Ocorre sem vestibular

Duração: A duração do curso é de 6 anos

Início das aulas: Dezembro de cada ano

Matrícula: Grátis

Mensalidades: Grátis

UNL – Universidade Nacional de la Plata

É uma faculdade de medicina na Argentina pública, ou seja, não tem a necessidade do aluno realizar o pagamento das mensalidades e nem matrícula. Uma desvantagem dessa universidade, é que o número de ingresso para estrangeiros é limitado.  Uma curiosidade é que essa faculdade de medicina pública tem mais de 100 anos de existência, o que colabora com a sua colocação no mercado.

Ingresso: Ocorre sem vestibular

Duração: A duração é de 6 anos

Início das aulas: Normalmente de novembro a dezembro de cada ano ocorre o início.

Matrícula: Grátis

Mensalidades: Grátis

UMN  – Universidade Maimónides

Uma excelente faculdade de medicina na Argentina, com valor de mensalidade razoável. O curso tem sua duração bem parecida com as demais particulares, ou seja, de 6 anos.

Ingresso: Ocorre sem vestibular

Duração: De 6 anos

Início das aulas: Fevereiro de cada ano letivo.

Matrícula: Grátis

Mensalidades: 11000,00 pesos argentino.

Como atuar no Brasil após formado em medicina na Argentina?

A primeira coisa que vocês tem que entender é que independente se você vai estuar na Argentina, Bolívia, Paraguai, Estados Unidos e etc, a revalidação é obrigatória para que você possa atuar no Brasil após formado em medicina no exterior.

Assim você precisa realizar o revalida, que é um exame agora realizado 2 vezes ao ano e em duas etapas.

Conhecendo a prova do revalida

O revalida nada mais é do que um exame de 2 etapas, sendo a primeira formada de questões objetivas e a segunda etapa formada pelo exame prático.

Sendo assim quando você se formar no exterior você precisa realizar esse exame para atuar no Brasil.

Complementação X Revalida

Existe, paralelamente ao revalida, uma outra forma do aluno formado em medicina na Argentina revalidar seu diploma. Dessa forma essa forma se chama complementação, que é realizada nas faculdades públicas e privadas do Brasil.

É importante mencionar que dependendo da faculdade que você for realizar o valor desse processo acaba saindo bem caro, chegando muitas vezes a mais de 50 mil reais todo processo. Acessando o Google você consegue ter uma noção melhor de editais de complementação para lhe ajudar a entender, ou envia sua dúvida para nossa equipe.

Orientamos a todos que foquem pelo Revalida, uma vez que ele é mais rápido e barato.

Dessa forma esperamos ter ajudado com esse artigo que embora tenha ficado extenso, esperamos poder ajudar com as informações.

Caso tenha alguma dúvida não deixe de comentar ou entrar em contato que estaremos à disposição para ajudá-los com as informações pelo WhatsApp (45) 998368076

Estudar medicina na Argentina

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

×
Copy link